Terça-feira, 2 de Agosto de 2016

Fugir para sempre com o marinheiro oceano.

      As mãos de pedro voam indiscriminadamente sobre o plano do teclado e, da soma dos seus dedos encandeiam-se sons uns nos outros, sem se descortinar a diferença. Onde começa um e acaba outro e todos juntos fazem o fio ondulante da melodia. Onde pousam, umas atrás das outras, as borboletas cantadas de joana.
       A música continua e joana sai do quadro. Como se fosse uma janela rasgando-lhe o vestido de noiva. Este fica jogado na areia dourada. A maré vai e vem, lentamente movendo o vestido um pouco de cada vez. Até que este se embrulha no enrolar das ondas. Envolve-se amorosamente com o mar. E resolve abandonar quem o abandonou e fugir para sempre com o marinheiro oceano.

publicado por 100destino às 10:05
link do post | comentar | favorito
|

.Novos Destinos

. Vivo Para Te Encontrar.

. Timbres Cor De Fogo.

. Procuro Pelos Espaços Do ...

. Entre Nós Nunca Houve Tem...

. A Tentação Sombria Da Mel...

. Algures Dentro De Nós Exi...

. Onde Colar Os Selos Diama...

. Os Nexos Complexos Finalm...

. A Dor É Apenas Um Estado ...

. o Veneno Tóxico Da Loucur...

.Outros Destinos

.Destinos comentados

Como posso entrar em contato com você?Me mande um ...
lindo
Tantas e tantas vezes que temos este pensamento...
Ninguém saberá responder a isso...
Gostei muito deste excerto, especialmente "Segredo...

.Destinos antigos

.subscrever feeds