Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

07.11.08

O Beijo Sereno


100destino

 

A custo aprendi a ser como sou

Sofro por não querer ser assim

Não conheço o caminho por onde vou

Já não sei o que querem de mim


 

Dói-me fundo a solidão da alma

Vagueio nesta tormenta sem porto

Moribundo, aflito, perdi a calma

Inerte, já não existo, estou morto


 

Mas num momento a paixão louca

Segredou-me ao ouvido triste

Que a esperança afinal existe

No beijo sereno da tua boca

1 comentário

Comentar post