Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

26.11.08

Capitulo Rejeitado ( 7 de 7 )


Paulo José Martins

 

E neste momento que te sinto aqui com o outro. Eu, mas outro eu. E que me seguro para não gritar, para não sangrar todo este desespero em agudos de longo alcance. Que acorde os vizinhos e os animais vizinhos ou ambos e que tenha por fim a força para pedir desculpa. Tenha força para pedir ajuda. Deixem-me sozinho.
Aqui olho a sombra da rua e na penumbra procuro aquele momento. O momento indefinível em que a primeira gota de chuva cai, aquele baque surdo, inaudível e que marca a ferro e a fogo o segundo em que antes não chovia e agora chove. Sinto a primeira gota na minha face.
É a minha primeira lágrima.

1 comentário

Comentar post