Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

26.09.10

As sílabas de um outro adeus.


100destino

      Lembro-me de chegares. Trazias a tristeza estampada no peito. Sozinha, já não pertencias a mim, mas a uma palavra esquecida no tempo.

      E com um sorriso que só eu senti estremeceste as sílabas de um outro adeus. Tudo tinha acabado num acabar sem fim.

      “ Vamos voltar atrás, a um tempo de outras alegrias.”

      E nada. Nada. Assim chegaste, assim partiste deixando para trás apenas o travo amargo de uma recordação.

1 comentário

Comentar post