Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

11.07.16

Agora podemos falar de tudo.


Paulo José Martins

      Os seus dedos apertam a minha garganta impedindo o suicídio. Como seria bom morrer e não mais sofrer à procura do santo graal da congruência. Onde finalmente pudesse encontrar as palavras que definissem a vida.
      Pelo canto do olho, ouço o cantigo colorido de joana a sair do seu quadro e o fantasma quase transparente de sónia a atravessar por dentro deste pedro que me cerca e oprime. Agora podemos falar de tudo. Tudo vai ficar bem.