Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

100Destino

Onde um destino sem destino procura um destino entre cem.

24.08.16

O beijo surge a medo.


100destino

     Espero que os estilhaços penetrem a pele e abram espaço para que a tristeza sangre os seus afluentes de prata. Sonia chora perguntando como se pode perder uma pessoa que está ali mesmo à sua frente. Como se pode perder um abraço apertado.
     O beijo surge a medo. Existe o medo que a rejeição vença a melancolia e sobreviva ao ataque carnívoro do menosprezo. Os meus dedos são como agulhas que chovem sobre os olhos cegos deste lacrimejar salino. A culpa é do piano e dos seus haikus escritos no passadiço das teclas moribundas.
     Seria tão fácil de falar sobre faces felizes e paisagens utópicas, amor, paixão e finais felizes. Mas dentro do manuscrito existe uma resistência à realidade que me enfrenta e domina.